O sombreamento em energia solar e suas consequências




As sombras projetadas por prédios ou árvores podem prejudicar o desempenho do sistema fotovoltaico. Veja como evitar o sombreamento em energia solar


Quando decidem instalar um sistema fotovoltaico, muitos consumidores não consideram os impactos do sombreamento em energia solar.


Porém, é importante ficar atento a esse fator. Afinal, as sombras projetadas por prédios, antenas ou árvores, por exemplo, podem prejudicar a geração de energia dos módulos fotovoltaicos.


A seguir, vamos te contar tudo a respeito do sombreamento em energia solar para que seu investimento no sistema fotovoltaico valha a pena!


O que é o sombreamento em energia solar?


Conforme explica Felipe Corrêa, engenheiro de energia da Soprano e parceiro da Carra Solar, “o desempenho do sistema fotovoltaico está diretamente ligado à quantidade de radiação solar que incide sobre os módulos. Sendo assim, qualquer obstáculo que faça sombra pode afetar o sistema”.


Nesse sentido, ele ressalta que vários fatores precisam ser avaliados para definir o impacto potencial do sombreamento em energia solar. Tamanho da sombra, duração diária e quantidade de módulos que atinge são alguns deles.


Esse levantamento, feito na etapa de análise de viabilidade técnica do sistema, conta com o auxílio de softwares para energia solar ou para projeção em 3D. Sua função é mapear o telhado do imóvel para simular a incidência de sombra e seu percentual de impacto em determinado ponto.

“A etapa de análise de viabilidade do telhado é bem importante para indicarmos a potência e a tecnologia certas para aquele tipo de situação. Assim, apresentamos ao cliente uma proposta que atenda ao que ele precisa”, lembra Felipe.

O software específico para mensuração do sombreamento em energia solar usa dados históricos de insolação do local onde será feita a instalação. Em seguida, o projetista faz o desenho do sistema fotovoltaico do imóvel considerando os obstáculos próximos que vão gerar sombra.


Por fim, ele distribui os módulos de acordo com a área disponível para instalação, sempre minimizando a projeção de sombra. O objetivo é garantir que todo o sistema aproveite ao máximo a luz solar para gerar a maior quantidade de energia possível.


Há como evitar os prejuízos do sombreamento em energia solar?


A boa notícia é que sim, é possível impedir que o sombreamento em energia solar afete a geração de energia.


Segundo o engenheiro, ”o ideal é que não haja nenhuma projeção de sombra. Eventualmente, se não tem saída, há maneiras de reduzir o sombreamento em energia solar. Podemos utilizar microinversores, uma opção para diminuir perdas do sistema, ou módulos half-cell, menos impactados pelo sombreamento”.


Confira abaixo como esses equipamentos funcionam.


Microinversores


O microinversor é um equipamento que possui a tecnologia MLPE (Module-Level Power Electronics ou Potência Eletrônica em Nível Modular). Em outras palavras, cada módulo fotovoltaico é conectado diretamente ao microinversor, que vai extrair dele o máximo de desempenho.


Assim, se um módulo for atingido por sombra, apenas ele será prejudicado. Os outros módulos da instalação vão continuar gerando energia normalmente.


O microinversor é uma evolução do inversor convencional, no qual os módulos são conectados em série (string), no chamado arranjo fotovoltaico. Ou seja, no caso dos inversores string, se um dos módulos receber sombra todos os outros conectados a ele também serão afetados.


Portanto, nessa configuração, o sombreamento de uma placa fotovoltaica puxa o desempenho das demais para baixo.


Módulos half-cell


Para quem precisa contornar os efeitos do sombreamento em energia solar investir em placas full-cell é altamente recomendado.


Isso porque, ao contrário do módulo solar full-cell, composto por células solares inteiras, o módulo half-cell tem suas células fotovoltaicas divididas em duas partes.


Desse modo, se um pedaço do módulo sofrer sombreamento, só 50% da placa será afetada. Como resultado, o restante do módulo manterá seu desempenho normal.


Já nos módulos de célula inteira, por outro lado, se apenas uma parte for prejudicada pelo sombreamento em energia solar, toda a placa perde produtividade.


Conte com a orientação de especialistas


Embora os microinversores e as placas full-cell sejam eficientes para evitar o sombreamento em energia solar, a escolha da tecnologia mais adequada depende de uma avaliação feita por especialistas.


Afinal, existem muitos pontos técnicos específicos que demandam o conhecimento de profissionais capacitados para apresentar um projeto que traga benefícios.


“Em primeiro lugar, é fundamental procurar uma empresa especializada em energia solar”, alerta Felipe.
“Na etapa de análise levantamos a necessidade do cliente, além de diversos outros pontos. Entre eles, local da instalação, tipo de estrutura do telhado, sombreamento, bem como fornecimento de energia da distribuidora para aquela unidade consumidora. Só assim é possível construir um dimensionamento que faça sentido e realmente atenda à expectativa do cliente”, conclui.

Por isso, se você pretende utilizar a energia solar em seu negócio ou residência procure a Carra Solar. Realizamos toda a avaliação, projeto e instalação das placas solares de acordo com sua necessidade.


Fale com a gente e peça um orçamento personalizado.